BIO

RAQUEL MATOS

A minha jornada começou há muitos anos quando comecei a questionar-me sobre o sentido da vida. Penso que minha curiosidade e a busca por equilíbrio e paz interior, bem como por respostas a essa questão, reflectem o caminho que tenho feito até aqui. Dotada de uma personalidade introspectiva e imaginativa, sempre soube que somos nós quem co-criamos a nossa vida e que tudo é possível de se conquistar e manifestar.
Com o tempo fui aprendendo a arte de me render à vida. Aprendi que esta faz-se caminhando, e a nossa tarefa é deixá-la fluir como um rio, observando a sua natureza cíclica de vida-morte-vida, e que a mudança e a transformação são as únicas coisas que temos como garantia.

A minha intenção é procurar ser cada vez mais livre, autêntica e genuína, vivendo de acordo com os meus valores e auto-realizar-me naquilo que crio e trago para o mundo.

Raquel Matos

A minha sensibilidade e capacidade empática, bem como um certo grau de inocência, ajudaram-me a reconhecer no centro do meu coração que o Ser Humano é complexo, mas no seu âmago o que existe é amor e plenitude. Que a harmonia e paz internas que todos ansiamos vêm pela auto-realização do paradoxo que é a existência humana.

Acredito dentro de nós está tudo o que precisamos para sermos felizes e que o segredo está em seguirmos os desígnios do coração. Este é sem dúvida o caminho do guerreio, pois a viagem é longa, e uma grande dose de coragem é necessária para defender os valores do coração, sair da matrix de pensamento actual, e enfrentar as sombras e os dragões que surgem na floresta da nossa psique.

A recompensa, é que a cada nova espiral novos portais de consciência se abrem e os mistérios da existência se vão revelando, mostrando-nos que estamos no caminho certo, no caminho da libertação.

O meu percurso

Formei-me em Psicologia Clínica pela ISPA em 2011, mas a minha curiosidade pelo autoconhecimento e pela espiritualidade começaram muito antes, quando aos 15 anos fui à minha primeira aula de yoga.
Explorei diversos métodos e estilos, mas só em 2011 descobri o Ashtanga Yoga e foi amor à primeira vista. Foi a prática de Ashtanga yoga quem me ensinou a disciplina, o foco, a humildade e devoção necessárias para continuar o caminho do yoga e do auto-conhecimento.

Desejo que o meu trabalho possa de alguma maneira contribuir para um mundo melhor, com mais amor, harmonia e tolerância.

Raquel Matos

Foi ainda no ano de 2011 que me certifiquei como instrutora de yoga e formei a escola Coimbra Yoga. Depois de ensinar em diversos espaços, em 2013 abri as portas ao público na Praça da República, onde ensinei até final de Março de 2018. Ainda em 2013 fiz a minha primeira viagem a Mysore e tive a benção de praticar com Paramara Guru Sharath Jois, neto de Sri K Pattabhi Jois, fundador do KPJAYI em Mysore, India. Ao longos destes últimos anos, tive o privilégio de praticar com diversos professores autorizados e certificados pelo KPJAYI. Todos eles me inspiraram a continuar o caminho do yoga.

A minha alma exploradora instigou-me a continuar a estudar, e ao longo dos últimos anos frequentei inúmeras formações e círculos que me têm ajudado a crescer e a expandir. Entre eles destaco a formação em Feminitude Consciente e Sagrado Feminino; Health Coach pelo IIN, Desenvolvimento Transpessoal e Xamanismo.

Depois de 7 anos dedicada ao ensino do yoga, em 2018 decidi que estava na hora de mudar e de me focar no acompanhamento individual e no processo de cura. Devido à minha experiência pessoal e académica, e por considerar que não existe nenhum método de trabalho psicoterapêutico que trabalhe questões psíquicas e emocionais que considero fundamentais, criei o meu próprio método, ao qual chamei Psicoterapia Integral Xamânica. Actualmente acompanho diariamente pessoas via online, facilito cursos, workshops, retiros e círculos, tanto presenciais como online.

Marca a tua primeira consulta!

Inicia a tua viagem de transformação.