As 3 Importantes Lições do Verão

Ahh e o nosso querido Verão está a chegar! E com ele vem a leveza, a brincadeira, a luz, o prazer, a abundância. O Verão convida-te a virar a tua atenção para fora, a viver o corpo e os cinco sentidos. É a sensualidade, o prazer. O colocar os pés descalços no chão.

As cores da natureza estão mais vivas do que nunca, a natureza vibra em todo o seu esplendor, é a abundância da vida.

Já há alguns anos que estudo aquilo que a chamo a Psicologia das Estações. Para mim não há maior mestra do que a própria natureza, pois ela é a nossa mãe, a ela pertencemos, e como tal, nós somos um reflexo dela. E tal como ela, a natureza, também nós somos cíclicos. É por isso que olharmos para ela e para aquilo que ela nos tem a ensinar, traz-nos autoconhecimento e sabedoria para as nossas vidas e decisões do dia-a-dia.

Hoje partilho contigo 3 importantes lições do Verão.

1 – A Luz Interior

O Verão interno é aquele momento em que te sentes uno com o todo, no precioso momento do Agora. Em que compreendes que todos os desafios do passado tiveram de ser vividos para que pudesses chegar a este momento de lucidez, de união, de êxtase.

O Verão interno são aqueles momentos plenos em que sentes o sabor dos frutos de te teres mantido fiel a ti mesmo, à tua verdade interna, à tua intuição, de teres escolhido a fé em detrimento das dúvidas, da esperança em detrimento do desespero e da coragem em detrimento do medo.

O Verão interno é quando essa luz, que quase se apagou no escuro do teu Inverno interno, se expande e tu brilhas e acedes à fonte de amor incondicional que habita no centro do teu peito.

O Verão ensina-te, e esta talvez seja uma das mais importantes lições do Verão, que sim, essa luz, essa fé, essa coragem, essa ambição por uma vida que é tua, é o teu tesouro mais valioso. Mesmo que à tua volta todos te façam sentir o contrário…

2 – Sobreviver ou Viver?

O Verão na sua exuberância, é a celebração da vida. Ele ensina-te os mistérios do prazer, do corpo, da sensualidade, da leveza, da brincadeira e da importância de seguires a tua própria energia. Quantas pessoas têm medo da sua própria energia, do seu próprio corpo?

O Verão desperta em ti os dons da tua criança divina, que vive no momento presente, segue os seus instintos, é curiosa, desperta e atenta.

O Verão, e todos os momentos de prazer que normalmente o acompanham, as férias, os momentos na natureza, de lazer, com os amigos ou com a família, questiona-te sobre o que realmente importa na tua vida.

Quais são as tuas verdadeiras prioridades?
Onde investes a tua energia?

Estas são questões importantes, pois apontam os frutos que mais tarde irás colher.

Com a sua leveza ele traz-te clareza mental, para que possas escolher qual a direcção que queres dar à tua vida. Quantas histórias já não ouviste de pessoas que foram de férias e tomaram novas resoluções para as suas vidas?

O Verão e a sua leveza de espírito, permite-te relaxar e aceder a uma sabedoria mais alinhada com a verdade do teu coração. Ele ensina-te que seguir o teu prazer, a tua energia, é o caminho para a vida abundante que tanto desejas.

Só tens de aprender a despir-te daquilo que não te serve (Outono interno) e atravessar os momentos de sombra, dúvidas e medos (Inverno Interno).

3 – A Mãe Interna

O Verão ensina-te os mistérios do arquétipo da mãe, essa energia que nos sustém a todos, nos nutre, cuida e carrega. Ele ensina-te que não podes forçar nada a florescer, que a tua única e real função é, tal como uma mãe, cuidar e nutrir.

Se te nutres a ti, à tua vida, aos teus projectos, às tuas relações, mais tarde irás receber os frutos dessas acções. Ele ensina-te o poder do espírito feminino, a capacidade de viver e apreciar o processo. É apenas o Ser, o estar presente. Essa presença de amor puro e aceitação que faz o verdadeiro amor florescer.

A activação do arquétipo da mãe na psique é muito importante, pois ele é a base que te sustenta. É o teu chão e casa internos. A mãe interna é aquela parte de ti que sabe autocuidar-se, que tem a capacidade de suster as próprias emoções, dar colo com amor e autocompaixão.

Aprendermos a ser mães de nós mesmos é fundamental para vivermos como adultos maduros e integrados. Alimentarmo-nos de discursos internos amorosos e acções de amor-próprio são fundamentais para o nosso bem-estar físico, emocional e psicológico.

 

A nossa capacidade de metamorfose, enquanto seres humanos, é para mim o que nos distingue de todas as outras espécies. A capacidade de entendermos as diferentes energias que estão constantemente a despertar e a expressar-se através de nós, ajuda-nos não só a viver com mais harmonia, como também com mais sabedoria.

Desejo-te um feliz e abençoado Verão. Que possas cada vez mais reconhecer estes diferentes estados em ti, aprendendo a brincar no grande teatro que é a vida.

Desejo também que te lembres que a única certeza que temos na vida é que ela é impermanente, que a mudança faz parte de quem somos, e que mais tarde ou mais cedo o Outono vai regressar, pedindo que nos dispamos mais uma vez.

Mas até lá, que sejamos capazes de saborear com cada célula do nosso corpo as bênçãos da magia que é estar vivo.

 

***Se queres aprofundar o teu trabalho de autoconhecimento e despertar da consciência, sabe mais sobre o programa online Jornada do Despertar 21 Dias.

Add Your Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Marca a tua primeira consulta!

Inicia a tua viagem de transformação.