O adeus por um sonho diferente.

Faz já mais de uma semana que disse adeus a um projecto muito querido, mas parece que só agora as palavras estão a querer sair para expressar o que vai cá dentro. Pois é…o Coimbra Yoga fechou, e eu deixei de dar aulas de yoga. E a razão por detrás desta decisão, é a necessidade de manifestar um sonho diferente.

Não há dúvida que para que coisas novas possam surgir na nossa vida, temos de criar espaço e libertar o que já não nos pertence. E foi exactamente o que eu fiz. Se foi fácil tomar a decisão? Não, não foi! O Coimbra Yoga foi a minha vida durante quase 7 anos. Não foi fácil despir o papel, a máscara, a identidade de professora de yoga e directora de um shala.

Despir a pele que criamos psicologicamente doí! Mas o meu compromisso com a minha própria verdade é maior, e quando me apercebi que tinha um sonho diferente para manifestar, não me restaram alternativas. O meu coração há já muito que andava a sussurrar-me por mudanças, por novos desafios, novas paragens. As mensagens vinham em projecções que fazia nos outros, em desconfortos físicos e psicológicos que teimavam em não desaparecer e para os quais não encontrava explicação, e que, magia das magias, desapareceram quando a decisão foi tomada.

É, não foi uma decisão fácil e sem dor. O Coimbra Yoga era uma comunidade feita de verdade, amor, partilha e amizade, e quero aproveitar para agradecer a todos os que por lá passaram, a todos os que confiaram em mim e no meu trabalho. Levo-vos a cada um no meu coração, foi sinceramente uma honra e prazer servir-vos, e espalhar a mensagem do Ashtanga Yoga da melhor maneira que consegui.

O Coimbra Yoga fez-me abrir. Ensinou-me a dar-me mais às pessoas. Descobri que adoro ensinar e que tenho dentro de mim uma professora que precisa ser expressa. Senti a realização que é estar com o outro na transformação e no crescimento, e senti que de alguma maneira já contribui positivamente para o mundo.

Não tenho como agradecer o carinho que muitos demonstraram por mim e pelo Coimbra Yoga, a todos desejo o triplo de auto-realização e amor nas vossas vidas. Espero que a semente do yoga tenha ficado com vocês e que continuem o caminho da consciência, rumo ao coração.

Muitos perguntaram…”então e o yoga?”…O yoga está mais enraizado do que nunca! Pois até que os ventos voltem a soprar novas direcções, volto a ser apenas discípula. <3

 

Crédito de imagem: António Alte da Veiga

Add Your Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Marca a tua primeira consulta!

Inicia a tua viagem de transformação.